5 Passos para Voltar ao Primeiro Amor e Fortalecer Seu Relacionamento com Deus

Como Voltar ao Primeiro Amor? Essa é uma pergunta que muitas pessoas me fazem! Em todas as respostas, percebi um certo espanto ao falar que é simples voltar a viver o primeiro amor!

Inclusive, enquanto você lê este post, a minha expectativa é que você volte a viver o primeiro amor por Jesus agora mesmo!

A carta de Apocalipse, foi escrita pelo apóstolo João enquanto ele estava exilado na ilha de Pátmos. 

O objetivo do livro de Apocalipse é descrever e tratar daquilo que conhecemos como “fim dos tempos”.

É fato que o livro aponta para um futuro, no entanto, Jesus envia algumas mensagens para as igrejas da Ásia Menor.

Jesus envia uma mensagem de conserto para essas igrejas pelo simples fato de saber que se não houver um conserto e uma arrependimento hoje, logo, não tem porque falar sobre o amanhã!

Muitas vezes nós nos preocupamos com o que há de acontecer no amanhã e nos esquecemos de viver o hoje.

As falas do próprio Jesus com a igreja de Éfeso foram contundentes. Uma mensagem direta, clara, objetiva de um Deus que ama e zela pela sua noiva.

É exatamente sobre essa mensagem para a igreja de Éfeso que eu quero conversar com você! A palrava de Deus em Apocalipse 2 diz assim:

Conheço as obras que você realiza,tanto o seu esforço como a sua perseverança. Sei que você não pode suportar os maus e que pôs à prova os que se declaram apóstolos e não são, e descobriu que são mentirosos.

Jesus começa a mensagem para essa Igreja dizendo algo interessante: “Conheço as suas obras, o seu trabalho árduo e a sua perseverança.

É exatamente aqui que vemos a primeira forma pela qual podemos voltar ao primeiro amor por Jesus:

Não ande por aparência, ande por essência

Acredite: A Igreja de Éfeso possuia uma fé viva, ativa, que andava àltura daquilo que Deus falava em sua palavra.

Eles eram tão envolvidos com a obra de Deus, com o coração genuíno e entregue às causas do Senhor, porém as obras do lado de fora, não correspondiam mais ao nível de amor dentro.

Eles estavam fazendo, fazendo e fazendo, mas não estavam amando ao Senhor. Amavam a obra de Deus, mas haviam se esquecido de amar ao Deus da obra.

Tornaram-se aparentemente retos em sua religião, mas desviados do caminho de amor do Senhor.

Trabalhar arduamente para o Senhor é algo genuíno do nosso coração. Precisa ser feito! Porém, o que não pode acontecer é fazermos demais e nos esquecermos do relacionamento com Deus.

Me responda algo: Deus precisa do homem para criar algo para Ele? De forma alguma meus irmãos! Deus não precisa de ninguém para fazer nada por Ele! Ele é poderoso e completamente suficiente para fazer qualquer coisa do absoluto zero!

Agora, se Deus não precisa do meu trabalho, por que Deus nos manda servir e trabalhar na obra?

Pelo simples fato de que:

Deus não quer que você trabalhe para se relacionar com Ele. Deus quer que você seja alguém se relacionando com Ele, para então só então você trabalhar em prol d’Ele.

Tem gente que esquece do relacionamento e abraça o ativismo ministerial. Isso está errado!

Não faça nada para ser alguém em Deus, mas seja alguém em Deus para então somente fazer algo para Ele.

O que você faz precisa ser uma consequência de quem você é n’Ele e não quem você é ser uma consequência do que você faz. Por que? Porque o dia em que a atividade acabar, a sua identidade acaba junto com ela!

Se arrependa de todo o coração

Arrependimento é mudança de rota! Alguém que se arrepende é alguém que ao perceber que está indo na direção errada, muda imediatamente a rota para seguir no caminho certo!

Assim também é com Jesus! Ele não apenas aponta o erro daquela igreja, mas trás a solução: arrependimento genuíno.

O que significa se arrepender genuinamente?

Significa se arrepender de todo o coração! É pedir perdão e consequentemente mudar a sua postura, mudar os maus hábitos, é entender o que foi feito de errado contra o mestre e não fazer novamente.

Muita gente chora quando peca e diz “Senhor, eu me arrependo de ter pecado contra o Senhor!”, no entanto, no dia seguinte, essa mesma pessoa está lá, novamente, cometendo o mesmo pecado.

Isso não é arrependimento, é remorso! Remorso é um abatimento da consciência que percebe ter cometido uma falta. Ela até percebe que cometeu o erro, mas não está comprometida e negar as suas vontades e a mudar de vida!

Jesus te chama a viver o primeiro amor. Jesus te chama de volta para o lugar que você jamais deveria ter saído!

Deus te abençoe.

Hugo Nascimento
Sobre Hugo Nascimento

Hugo Nascimento é casado com Eliza Martins, capixaba da gema e apaixonado por Jesus. É formado pelo Seminário Teológico Carisma - Belo Horizonte / MG. Servimos ao Senhor na Igreja Batista da Lagoinha em Belo Horizonte.