Rompendo em Fé

Viver rompendo em fé não é fácil! A fé tem um custo e normalmente ela vai requerer de nós um posicionamento à altura daquilo que Deus falou.

Nem sempre nós entendemos isso e, quando entendemos, ficamos limitados em determinados níveis de fé que na verdade, Deus gostaria de nos ver andando em níveis maiores e melhores da fé que Ele gera em nossa coração.

É sobre isso que eu quero conversar com você neste post! Vamos lá?

O que é fé?

A fé é a convicção segura de que alguma coisa que queremos vai acontecer. É a certeza de que, o que nós esperamos está nos aguardando, ainda que não possamos ver adiante de nós.

“Ora, a fé é a certeza daquilo que esperamos e a prova das coisas que não vemos.”

Hebreus 11:1

A versão bíblica amplificada vai trazer uma tradução um pouco diferente:

Agora a fé, é a garantia a confirmação de coisas que esperamos sendo a prova de coisas que não vemos e a convicção da sua realidade, fé é entender como fato real o que não que não foi evidenciado pelos sentidos.

A fé não lida com o visível, a fé crê que aquilo que eu espero, por mais que eu não veja com os olhos físicos, é só uma questão de tempo, mas vai acontecer. A fé não lida com o visível,  ela toca o invisível. 

Entenda algo:

Se eu apenas creio no que vejo isso não é fé, isso é racionalização.

Fé é você colocar o pé crendo que Deus colocará o chão para você pisar.

E por isso, a fé vai nos ensinar a romper limites. Quais limites Hugo?

Quero conversar com você sobre 3 limites de níveis de fé que podem te paralizar e te impedir de viver o sobrenatural de Deus.

Rompendo em fé nos limites pessoais

A Bíblia conta a história de uma mulher que há 12 anos sofria de hemorragia. A Bíblia não cita o nome dela, mas com certeza você já ouviu falar da mulher do fluxo de sangue.

Aquela mulher pela Lei de Moisés não poderia viver no meio do seu povo, pois ela era considerada impura e certamente seria consumida. 

Preste atenção em algo: Há 12 anos ela precisou deixar sua casa, seu conforto e seus sonhos por causa de uma enfermidade que a cercava!

Se ela era casada precisou deixar sua casa e  seu marido e não teve contato algum com ele. Se ela era solteira certamente não poderia se casar.

 O texto não relata o seu estado civil, mas algo era certo: ela não podia mais viver em família e suas perspectivas de ter sua vida novamente transformada já havia acabado. 

Com essa história, podemos ver que o seu comportamento, levou ela a viver algo especial em Deus, por meio de Jesus. O que ela fez?

Ela perseverou na Fé e foi além da enfermidade

Existem momentos nas nossas vidas que são assim!

Já não vemos perspectivas de mudanças. Todos os recursos que poderíamos usar já se esgotaram e já não há mais o que fazer, para que a transformação aconteça. 

Mas aprendemos o princípio da perseverança com essa mulher, embora todos os recursos estivessem se acabado, embora ela todos os dias perdesse sua vida a gotas, porque sangue é vida e todos os dias ela perdia a gotas a sua vida. Ainda sim, ela perseverou em buscar por ajuda. 

Não seja guiado pelas circunstâncias que te cercam, persevere!!

Embora a doença estivesse no corpo dela, a doença não definiu a essência do seu ser. A doença não paralisou o seu coração e a sua fé, no entanto, ela continuou firma na esperança!

Não seja definido pelas suas frustrações 

Quero que você entenda algo para a sua vida:

As suas emoções não devem e não precisam ter o poder de definir as suas crenças. Elas não deve e não precisam ter o poder de definir a sua fé. 

Quem anda segundo às suas emoções, permite que elas definam o caminho ao qual você vai seguir. 

O Espírito Santo de Deus quer te guiar pelo melhor caminho e a verdadeira resposta. 

Não deixe que as suas emoções definam a sua fé, é a sua fé quem deve definir as suas emoções.

Quantas vezes paramos no caminho por não acreditarmos que ainda existe solução para nossas histórias?

Parece que todos ao seu redor são curados ou que todos ao seu redor recebem o seu milagre, mas você já não consegue enxergar a saída. É por isso seu coração se angustiou e você deixou sonhos de lado!

Será que a esperança se tornou desesperança e o seu coração começou a adoecer e se endurecer, a ponto de você deixar de sonhar?

A Bíblia diz que:

‘’A esperança que se retarda deixa o coração doente, mas o anseio satisfeito é árvore de vida.’’ Provérbios 13.12

Talvez o seu coração tenha chegado ao cansaço e se tornou amargo e doente, completamente descrente daquilo que se espera em Deus.

Eu quero te dizer que existe cura de Deus pra você! Existe renovo das esperanças que foram ficando pelo caminho. Deus hoje vai renovar a expectativa de corações frustrados com a dor.

O senhor quer mais do que te dar a resposta do problema ele está te ensinando a perseverar, a ser constante, a não parar de buscá-lo até o encontrar. 

Existem momentos em que a adversidade vem para expandir a nossa fé. Por isso, não deixe que as suas emoções definam a sua fé! Nessas horas é a sua fé que deve definir as suas emoções.

Rompendo em fé nos limites da sociedade

Ela enfrentou a multidão por meio da fé, para receber seu milagre. 

Você desistiu pq alguém falou que o seu projeto não ia dar certo? Tem muita gente que tem desistido dos milagres e dos sonhos de Deus por conta da opinião alheia.

Aquilo que te move tem o poder de te parar, se a opinião das pessoas te movem você irá para quando elas pararem de te elogiar.

Ela poderia ter se comparado com a multidão. Ela poderia ter desistido porque todos estavam já descrentes. As pessoas ainda eram puras, mas ela não. Eles poderiam chegar perto e ela não, eles poderiam receber os milagres e ela não. 

Entenda algo:

A comparação te limita a receber o que Deus preparou para você!

Quando você se compara você deixa de ser você, deixa de viver o que Deus preparou para você e começa a viver a vida do outro.

Não caia nessa armadilha, Deus não quer você se comparando com ninguém!

Rompendo em fé nos limites da religiosidade

Imagine algo: Se ela tocasse em Jesus, pela Lei de Moisés ele se tornaria impuro também e teria que sair do meio do povo, para passar por uma purificação. 

No entanto, é justamente aqui vemos o contraste entre a lei de Moisés e a graça de Deus. Embora houvesse o risco daquela mulher ser morta, a graça de Deus quando se manifesta, ela resulta em transformação. 

Ao tocar em Jesus, o que era condenação se tornou a liberdade. Em Jesus Cristo o que era impuro se torna puro. 

O que permitiu isso não foi um ambiente cheio de manifestações, mas um ambiente cheio da graça de Deus. 

Milagres são consequências de corações cheios de fé, não em Jesus apenas homem, mas em Jesus Cristo. O homem filho de Deus, na sua natureza divina. 

Levítico nos diz que sem sangue não há vida. 

O que dá vida a carne é o sangue. Haviam doze anos que a vida daquela mulher estava se esvaindo, mas bastou um encontro com Jesus e a vida lhe foi restituída.

A religiosidade cria protocolos e a graça te dá livre acesso ao pai. Pela obra de Cristo na cruz, você tem livre acesso diante da presença de Deus, ele tem todas as respostas. 

Ela tinha uma fé extraordinária! O Espírito Santo quer te conduzir em um nível a mais de fé! O que tem faltado para você?

Conclusão

A Palavra de Deus diz que Jesus, reconhecendo imediatamente que dele havia saído poder/virtude, virando-se no meio da multidão, perguntou:

— Quem tocou na minha roupa?

Os discípulos responderam:

— O senhor está vendo que a multidão o aperta e ainda pergunta: “Quem me tocou?”

Ele, porém, olhava ao redor para ver quem tinha tido tamanho ato de fé. Então a mulher, amedrontada e trêmula, ciente do que lhe havia acontecido, veio, prostrou-se diante de Jesus e declarou-lhe toda a verdade.

Então Jesus lhe disse:

— Filha, a sua fé te salvou. Vá em paz e fique livre desse mal.

Consegue entender isso? Apenas um toque em Jesus e a sua história foi alterada. Ela estava reconhecendo sua dependência naquilo que Jesus carregava.

Que esse post fale ao seu coração e que em todo o tempo você seja impulsionado pelo Espírito Santo a caminhar em níveis maiores, rompendo em fé todos os dias da sua vida!

Deus te abençoe!

Hugo Nascimento
Sobre Hugo Nascimento

Hugo Nascimento é casado com Eliza Martins, capixaba da gema e apaixonado por Jesus. É formado pelo Seminário Teológico Carisma - Belo Horizonte / MG. Servimos ao Senhor na Igreja Batista da Lagoinha em Belo Horizonte.